quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

So Yesterday

Olho no espelho, não vejo a mesma pessoa! Sim vejo, mas com algumas modificações... Não quero que fique tarde demais para mim, como já ficou para muitos! Não quero cair na loucura, na insanidade, na rivalidade própria, na pretensão de não querer ser feliz!
Penso agora em coisas que combinem comigo. Penso no Sol, que agora é meu maior companheiro, apesar de sempre continuar preferindo a luz do luar! Adoro esse sorriso bobo que dou na frente do espelho. Admiro meus olhos verdes brilhando, depois de um curtíssimo tempo derramando lágrimas... Essas que serviram como colírio para mim, pois no fim tudo sempre vale a pena e tem um valor!
Adoro essas linhas tortas que escrevo agora, sem maiores reflexões sobre o mundo, as dores, ou a eterna questão do “ser/estar” no mundo. Escrevo agora, pois me olho e vejo que não é tarde demais para mim, então escrevo sobre sorrisos e busco estrelas no céu!
“ I'm just a bird thats already flown away.”

6 comentários:

FLORES, Ju disse...

É isso aí, Bruno,
Às vezes um bom texto não precisa de divagações complexas e questionamentos sobre qualquer coisa. Esse está entre os meus preferidos. BEIJO

мαησeℓα disse...

lindoo... qria ter a capacidade de me ver assim, de me admirar... sei q com o tempo ganharei mais autoestima.. mas meus parabensss pelo texto ficou perfeito!

bjos primo

railer disse...

só o cara no espelho pode te ajudar a alcançar a felicidade. está nas mãos dele, de mais ninguém.

Tayse Marques disse...

THE BEST!

...“no fim tudo sempre vale a pena e tem um valor!”

BEIJOS!

Dri Viaro disse...

Que seu Natal seja repleto das bençãos de Deus.
beijos

- BieL - disse...

andavas meio depre? O_O
kkk' brinks
muito lindo o texto ;]